sexta-feira, 30 de julho de 2010

Uma Nova Estrela

Hoje é um dia brilhante entre as nuvens chuvosas do verão de abril, aquele que você abriu meu coração.
ontem eu te vi e não notei seus rosto. Ver você de costa valeu meu dia.
ver teu cabelo loiro, pra mim já valia
amanhã eu vou ter que te esquecer, pois tudo voltou
logo que o dia amanhecer, o sonho acabou.
Lembrarei para sempre, de tudo que nunca existiu
do quanto meu coração mentiu, para mim.
Esquecerei de todas as lembranças
e das falsas esperanças que você me deu.

Agora só uma nova estrela vai brilhar.
e a sua vai se apagar.

Um comentário:

  1. Forte, como um grito que estava preso na garganta e se libertou.

    Beijo

    ResponderExcluir